• Estopim Coletivo Facebook
  • Estopim Coletivo Instagram
Please reload

De Criolo a Ideli: 2017 entre duas cabeças.

6 Dec 2017

 

O ano de 2017 serviu para fortalecer nossa contribuição com o Jornalismo na Grande Florianópolis. Com foco na capital, contamos histórias de pessoas, reverberamos iniciativas culturais e ouvimos atores políticos dos partidos, dos movimentos sociais e das comunidades. Do lançamento do site, quando mostramos o rapper Criolo na capa, até aqui, onde divulgamos entrevista exclusiva com a petista Ideli Salvatti, foram nove meses e oito edições - não tente entender - com reportagens, entrevistas, poesias, artigos e, sempre que possível, uma pitada de ironia e humor. Em essência, a saudável mistura de arte e jornalismo!

 

Nesta jornada de publicações no site, em outubro, completamos 7 anos de existência e, comparando-nos com uma criança banguela do primário, ludibriamos o leitor com um boato mentiroso de que encerraríamos o coletivo. Prática essa dos tempos do blog, onde por diversas ocasiões anunciamos o encerramento para aqueles acostumados a somente ler as manchetes. Não queremos, entretanto, que desconfie da nossa credibilidade. Entender o Estopim é simples: pare, respire e leia! Afinal nada está aqui completamente ao acaso.

 

Fazer a revista Estopim Coletivo ainda é um desafio enorme. Se o Estopim, com seus sete aninhos, ainda é uma criança na escolinha, o jornalismo é um adolescente em suas piores fases, enfrentando anos de maus bocados e contradições. O jornalismo que se propõe crítico e alternativo, então, sofre o triplo. São crianças tentando competir com adolescentes cascudos e cheios de manias.

 

Sem trocados para as guloseimas, não precisamos nem dizer como são poucos os apoiadores. Financiamento é sinônimo de dor de cabeça e desgaste. Todavia, neste processo de consolidação e desenvolvimento de uma marca, agregamos também novos parceiros, pessoas físicas e jurídicas que apoiam o Jornalismo alternativo e independente e que nos ajudam, seja contribuindo com material humano ou com estrutura, álcool e despacho das burocracias. É o progresso!

 

Encerraremos - e dessa vez não há mentira - o calendário de atividades deste ano nas próximas semanas, lenta e gradualmente. Agradecemos todo clic, compartilhamento e curtida dos nossos seguidores. Para nós do Estopim, esses gestos significam combustível e têm valor inestimável.

 

 

P.S. O natal está aí e não fomos boas crianças o ano todo. Por isso se você quiser dar um presente para o Estopim, não precisa nem nos perguntar o que gostaríamos de ganhar. Acesse a página financie e faça uma criança feliz.

 

 

Imagem:

Estopim Coletivo

Ilustrações:

G. Pawlick / Estopim Coletivo

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Gostou da leitura?

Assine a revista Estopim Coletivo

e financie a produção de conteúdo independente

sobre política e cultura.

Please reload